Este curso não pode mais ser agendado.

“MACAMBA faz MANDINGA!

Estratégias Coletivas de Encantamentos: Saberes Afrodiaspóricos

  • Começou em: 28 de abr. de 2021
  • 35 Reais brasileiros
  • Location 1

Descrição do serviço

MACAMBA faz MANDINGA! Estratégias Coletivas de Encantamentos: Saberes Afrodiaspóricos para uma Educação que se Alimenta de VidA. A N’Kinpa – Núcleo de Culturas Negras e Periféricas convida educadores, artistas, interessades e público geral para o (PER)CURSO - “MACAMBA faz MANDINGA! Estratégias Coletivas de Encantamentos: Saberes Afrodiaspóricos para uma Educação que se Alimenta de Vida”. A atividade acontecerá em três encontros pela plataforma Microsoft Teams nos dias 28, 29 e 30 do mês de Abril das 19h às 22h. Descrição dos encontros. 1º - Abre Alas – Uma narrativa da educação no terreiro chamado Brasil- século XIX até a conquista das leis 10.639/03 e 11.645/08. 2º - Alegorias e Evolução – O Corpo como o Território salvaguardado pelos cosmosentidos afro-indígenas. 3º - Apoteose – A roda gira e espalha a vivência espiralar das bocas no tempo. A N’Kinpa – Núcleo de Culturas Negras e Periféricas se firma em 2018 gestando ações que envolvem negritude, territorialidade, infância e valorização da nossa cultura afro-indígena brasileira. Com propostas contra coloniais e partir das cosmovisões africanas e indígenas a  N’Kinpa, busca outras maneiras de apreensão da realidade agindo nos eixos de produção e ação cultural, formação, arte-educação, performance, teatro, música e comunicação. Atualmente o núcleo é matripotencializado por artistas educadoras (es) negras (os) e não negras (os) e conta com parcerias dispostas a discutir, pensar e agir para uma sociedade equânime. Nossas inspirações: Nego Bispo, Renato Noguera, Paulo da Portela, Dona Ivone Lara, Tiganá Santana, Aza Njeri, Beto Sem Braço, Katiúscia Ribeiro, Silvio Almeida, Luiz Rufino, Sueli Carneiro, Sobonfu Somé, Daniel Monduruku, Ailton Krenak….e todas as falanges das matas, águas, fogo e terra.

Sessões futuras